Cerimónia Nacional da Luz da Paz de Belém

A região de Setúbal acolheu este ano a cerimónia nacional da partilha da Luz da Paz de Belém.

Este ano a atividade da Luz da Paz de Belém tem como tema “Rede de Paz – Uma Luz que nos aproxima!” e contou com a região de Setúbal, como anfitriã da cerimónia nacional da partilha da luz.

Durante o dia, foram desenvolvidas um conjunto de atividades pela cidade de Setúbal, destinadas às várias secções, relacionadas com a Luz da Paz.

Ao final da tarde foram todos convidados a reunir-se na Sé de Setúbal para participarem na eucaristia da partilha da luz, presidida pelo Bispo de Setúbal, D. José Ornelas. Marcaram presença entidades convidadas e escuteiros vindos de todas as regiões escutistas do país para receberem e, depois, levar para as suas comunidades locais a Luz da Paz de Belém.

Ana Margarida Chagas, Chefe Regional de Setúbal partilhou com todos os presentes a alegria de receber esta cerimónia “Num tempo em que tudo nos impele ao distanciamento, em que cada vez mais somos forçados ao isolamento, há uma luz que nos aproxima, e que bom que é criar uma rede de gente que se cuida, reunida em torno desta luz.”

Este ano, em virtude das limitações impostas pela pandemia, não houve cerimónia na Áustria. Assim, a Luz foi transportada pelo lobito Miguel, da região de Vila Real, região que acolheu a cerimónia da Luz da Paz de Belém em 2020 e onde se manteve ininterruptamente acesa ao longo do ano, na Paróquia de Mateus.

D. José Ornelas, Bispo de Setúbal, na sua homília deixou um desafio “saiam de vós próprios e vão há procura desta luz. Deixem que ela ilumine o vosso coração, mas também que ilumine tudo à vossa volta.”

De seguida Inês Graça, Secretária Nacional dos Projetos e responsável da atividade deu início à partilha da Luz aos representantes das regiões realçando que “Neste tempo de Natal, de festa onde celebramos o nascimento do nosso salvador, somos desafiados a criar uma rede de paz com a luz que nos aproxima.”

Agora será o momento das regiões partilharem a Luz e assim poder chegar às comunidades, às famílias, aos amigos, aos vizinhos, unidos nesta “Rede de Paz – Uma Luz que nos aproxima”.

Texto e fotografias: Susana Micaela Santos

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *