Bear Grylls: “Somos mais fortes do que pensamos e mais corajosos do que imaginamos”

Bear Grylls, chefe embaixador do escutismo mundial, em comentário, ao jornal inglês Express, falou sobre o impacto que a pandemia está a ter no escutismo mundial.

Nos últimos meses trocamos as nossas sedes pelas nossas casas, as salas das secções pelas salas do ZOOM, mas nunca paramos. Foram milhares aqueles que se adaptaram e continuaram a levar aos jovens do movimento a alegria, amizade e esperança tão necessária nos dias de hoje. Bear Grylls, afirma que “os jovens são naturalmente curiosos e otimistas…No entanto, através do prisma do confinamento e da pandemia o mundo de repente pareceu muito menor e mais sombrio”. O chefe embaixador do escutismo mundial, ao longo do seu comentário enalteceu o trabalho dos milhares de dirigentes do movimentos referindo que “é a gentileza e o compromisso dos nossos voluntários que possibilitam que os escuteiros continuem. Os nossos voluntários acumularam 1,2 milhões de horas em reuniões online, criando incontáveis momentos brilhantes que os nossos jovens não teriam de outra forma.” 

Ao concluir o seu comentário Bear Grylls, diz que “A pandemia nos fez perceber que somos capazes de fazer coisas extraordinárias…os nossos escuteiros têm sido heroicos angariadores de fundos, comunicadores com os que estão mais isolados nas suas comunidades e que realizaram todos atos de bondade. Isso só mostra que os escuteiros não esqueceram a sua promessa.”

O movimento escutista adaptou-se, mas nunca se esqueceu da missão de deixar o mundo um pouco melhor do que o encontrou.

Adaptação do texto: Matilde Gonçalves

Fotografia: DR

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *