Escuteiros fazem parte das equipas de emergência em Marrocos

No rescaldo do terramoto mortal que atingiu várias regiões de Marrocos, no passado dia 8 de setembro, a Fédération Nationale du Scoutisme Marocain tomou medidas rápidas e decisivas para ajudar na resposta a catástrofes e nas operações de socorro.

Mais de 2.100 pessoas morreram, número que continua a subir todos os dias, quando um terramoto de magnitude 6,8 sacudiu uma área montanhosa isolada ao sul de Marraquexe, causando destruição generalizada e deixando muitas pessoas presas sob os escombros.

Os Escuteiros estabeleceram rapidamente uma equipa de emergência dedicada a nível nacional para coordenar e gerir eficazmente as suas intervenções. Apelaram aos voluntários para que contribuíssem para os esforços de socorro e também apelaram às organizações marroquinas e internacionais para ajudarem nas operações de resgate.

A Organização Escuteira Nacional (NSO), através das suas associações escuteiras afiliadas, planeia mobilizar 2.000 voluntários, incluindo líderes, jovens e escuteiros no terreno e a nível organizacional. Entre eles estão 50 pessoas formadas em saúde mental, 50 em socorro e primeiros socorros, 200 em apoio educacional e de ensino e 50 em proteção contra danos.

Escuteiros voluntários já se mobilizaram nas comunidades locais e áreas afetadas pela devastação, lançando apelos para a recolha de suprimentos vitais, como medicamentos, roupas, alimentos e cobertores. Muitos escuteiros também participaram de campanhas de doação de sangue, ajudaram no transporte de vítimas feridas para um local seguro e forneceram abrigo às famílias que perderam suas casas no violento terramoto.

Poucos dias antes do terramoto, o NSO realizou uma sessão de formação em resgate e resposta a catástrofes em colaboração com o Crescente Vermelho Marroquino, reforçando a sua capacidade de responder rápida e eficazmente a circunstâncias tão desafiantes.

Através da Plataforma Escutista de Doação, a Organização Mundial do Movimento Escutista (OMME) e a Fundação Escutismo Mundial (FSM) lançaram um apelo global por fundos para apoiar os esforços de socorro dos Escuteiros em Marrocos.

Cada doação – por menor que seja – pode fazer uma grande diferença para as pessoas afetadas pelo devastador terramoto. Apoiando estes esforços, a OMME e o FSM já disponibilizaram 10.000 dólares em financiamento de emergência.

No meio do caos e da devastação, surgiu uma história de resiliência e unidade com os Escuteiros a unirem-se, demonstrando a sua solidariedade e compaixão para ajudar os necessitados.

Podes fazer o teu donativo aqui

Tradução e adaptação: Susana Micaela Santos.

Fonte: World Organization of Scout Movement.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


O período de verificação do reCAPTCHA expirou. Por favor recarregue a página.

Website protegido por reCAPTCHA. Aplica-se a Política de Privacidade e os Termos de Serviço da Google.

Kandersteg Digital Work Party

O Centro Escutista de Kandersteg está a organizar pela primeira vez uma International “Digital” Work Party para todos os escuteiros com conhecimentos em programação ou tecnologias de informação.

ler mais »

MOOT 2025, envolvimento local

A organização do World Scout Moot 2025 pede o apoio e a mobilização dos Agrupamentos do Corpo Nacional de Escutas e grupos locais da Associação de Escoteiros de Portugal, a fim de colaborarem no desenvolvimento de uma das partes mais importantes da atividade: os Paths (Trilhos).

ler mais »