Manifesto da FEP

Federação Escutista de Portugal emite comunicado sobre o conflito na Europa de Leste

Foi divulgado hoje um manifesto de preocupação da parte da Federação Escutista de Portugal referente ao conflito que assistimos na Europa de Leste e especialmente na Ucrânia.

Na madrugada de ontem foi anunciado ao mundo o conflito entre Rússia e a Ucrânia. No segundo dia deste conflito, a Federação Escutista de Portugal (FEP), da qual fazem parte o Corpo Nacional de Escutas (CNE) e a Associação de Escoteiros de Portugal emitiram um manifesto de preocupação sobre o momento que estamos a viver.

Neste manifesto a FEP reforça que “Como parte deste movimento mundial, que promove a paz, a concordância e a ajuda ao próximo, não podemos deixar de condenar veementemente todos os atos de agressão”.

Apelando ainda que “ todos os líderes para dialogarem e porem fim, imediatamente, a todas as hostilidades e desta forma proteger os cidadãos, especialmente os jovens e as crianças. Agora, mais do que nunca, todos os irmãos e irmãs, Escuteiros e Guias, sem exceção, devem assumir as suas responsabilidades na construção da paz e da justiça para todos.”

O CNE associa-se à jornada de jejum pela paz, convocada esta quarta-feira pelo Papa Francisco, para 2 de março.

Texto: Susana Micaela Santos

Fotografia: CNE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Website protegido por reCAPTCHA. Aplica-se a Política de Privacidade e os Termos de Serviço da Google.

Partilhar experiências no 12º Agora

O 12º Agora decorreu na Macedónia do Norte e Portugal esteve representado através da FEP, com o Corpo Nacional de Escutas, Associação de Escoteiros de

Insígnia SWA Património

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios foi assinalado no Corpo Nacional de Escutas com o lançamento da insígnia “Patrimonito” da Organização Mundial do Movimento