Operação Fátima – Apoio aos Peregrinos em Fátima

Serviço com pedagogia da fé, a “Operação Fátima” é uma ação de serviço no Santuário de Fátima, que assenta no principal objetivo de proporcionar o bem-estar aos peregrinos.

Decorreu entre os dias 12 e 15 de maio mais uma “Operação Fátima”, enquadrada nas peregrinações anuais a Fátima, as quais são caracterizadas pela deslocação de grande número de peregrinos de todo o país e do estrangeiro, que originam um acréscimo significativo de peregrinos à cidade de Fátima e, muito particularmente, à área do Santuário. 

 

Um evento de grande visibilidade como este, que reúne um elevado número de pessoas no Santuário, requer a maior atenção no que respeita à Missão do CNE, dinamizada pelo Departamento Nacional de Proteção Civil (DNPC), articulado com a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) e com o Serviço Municipal de Proteção Civil de Ourém (SMPC), que leva a cabo a missão de apoiar as autoridades oficiais relativamente à execução do dispositivo que é acionado aquando da realização das grandes peregrinações ao Santuário de Nossa Senhora de Fátima. Esta é uma ação de fim-de-semana dirigida a Dirigentes, Caminheiros/Companheiros e Pioneiros/Marinheiros (Maiores de 15 anos).

 

Durante o período acima referido, o dispositivo esteve instalado no Parque 1, sendo que a sua área de responsabilidade cobre toda a zona envolvente do Santuário. 

Disponibilizou para o dispositivo os meios humanos e os equipamentos necessários e adequados, nomeadamente 36 escuteiros (desde pioneiros a dirigentes), oriundos das  Regiões de Coimbra, Leiria-Fátima, Lisboa, Santarém e Setúbal, envolveu ainda 4 bicicletas, 2 viaturas de apoio, 1 viatura de comando e coordenação e 1 tenda de apoio e equipamento rádio para as comunicações que são imprescindíveis. 

Foi elaborada uma matriz de planeamento, que foi sendo adaptada à medida das necessidades, tendo em conta quer a afluência de peregrinos, quer a especificidade dos mesmos.

A Missão principal do contingente do CNE centralizou-se no encaminhamento de peregrinos perdidos, no controlo de multidões nos acessos ao Santuário, quando das celebrações (escadas e vias de acesso às mesmas) e ainda na abertura de corredores de emergência. 

Uma mais-valia para o contingente tem sido a utilização do Centro Nacional Escutista de Fátima (CNEF) para a pernoita e descanso dos elementos do contingente.

Texto e fotografias: Departamento Nacional de Proteção Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Website protegido por reCAPTCHA. Aplica-se a Política de Privacidade e os Termos de Serviço da Google.

Escuteira na Youth Action Week

O CNE esteve representado na Youth Action Week, do Youth Department – Council of Europe, entre os dias 27 de junho e 2 de julho,

Open Call Região Europeia

Estão abertas as inscrições para voluntários regionais que darão suporte ao novo plano trienal 2022-2025 da Região Europeia do Escutismo. Os voluntários regionais são essencialmente