Rede Europeia de Museus Escutistas e Guidistas

No passado dia 5 de junho, decorreu a primeira reunião com representantes de vários museus que aderiram a este desafio lançado pelo Museu do CNE.

O Centro de Documentação Escutista / Museu do CNE, enquanto membro fundador da Rede de Museus Escutistas de Portugal, lançou o desafio da criação de uma Rede Europeia de Museus Escutistas e Guidistas, a todos os museus da Europa.

A ideia da rede europeia nasce pelo fato do CNE já pertencer a algumas redes, no caso dos centros escutistas, podendo assim criar sinergias e partilhar boas práticas sobre museus e arquivos.

Preservar a memória histórica é um trabalho de longa duração, por vezes torna-se mais fácil se for partilhado com a experiência de outros parceiros.

A partilha de boas práticas, a criação de oportunidades educativas e formativas e sinergias para a preservação da memória são outros dos objetivos que se pretendem ver desenvolvidos.

Com o lançamento desta iniciativa, surgiram as bases para o futuro desta Rede, assim como os objetivos e missão. Destacamos que a ideia foi recebida com grande interesse e motivação em ordem à criação da rede, permitindo assim a troca de informações, experiências entre os museus da Europa, assumindo o objetivo principal de preservar a história do escutismo.

Nesta primeira reunião virtual, estiveram representados os Museus dos seguintes países: Portugal, Espanha, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Grécia, Islândia e Bélgica, tendo cada museu feito uma pequena apresentação do seu espaço.

Portugal vai acolher o primeiro encontro presencial desta rede em novembro de 2021 em Lisboa, organizado em conjunto com os Museus de Espanha, Alemanha e Bélgica.

Texto e fotos:
Centro de Documentação Escutista / Museu do CNE
museu@escutismo.pt
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Dia Mundial do Escutismo

Hoje, dia 23 de abril, celebra-se o Dia de São Jorge, Patrono Mundial do Escutismo. O Dia de São Jorge, patrono dos escuteiros, será celebrado