Viana do Castelo envia 40 toneladas de bens para a Ucrânia

Numa ação conjunta de todos os agrupamentos da região de Viana do Castelo, foram enviados bens essenciais para a Ucrânia, que serão distribuídos pela NOSU – Organização Nacional dos Escuteiros da Ucrânia.

Entre os meses de abril e maio a região de Viana do Castelo não baixou os braços e lançou uma campanha de angariação de bens essenciais para apoio a milhares de pessoas atingidas pelo atual conflito na Ucrânia. Alimentos, produtos de higiene, agasalhos, sacos cama, tendas, foram alguns dos bens recolhidos numa campanha que contou com o apoio da Câmara Municipal de Viana do Castelo, que fez a cedência de um armazém e alguns bens já recolhidos em campanhas anteriores, com o apoio do Estaleiro Naval West-Sea, na cedência de uma empilhadora para o carregamento do camião e com a colaboração de várias empresas locais, com a cedência de caixas de cartão para embalamento dos produtos. 

Ação solidária promovida pela Junta Regional

Os agrupamentos da região aceitaram imediatamente o desafio que se traduziu na recolha de milhares de artigos, o que se traduziu no envio de 27 paletes, perfazendo aproximadamente 40 toneladas bens essenciais. Esta iniciativa contou ainda com o apoio da Junta Central, que fretou o camião para o transporte até à Ucrânia.

Ricardo Matos, secretário internacional do Corpo Nacional de Escutas (CNE) explica que «Sabendo da boa vontade dos portugueses e em especial dos escuteiros, depois de uma solicitação dos escuteiros da Ucrânia para a recolha e envio de bens de primeira necessidade, decidimos lançar o desafio as Juntas Regionais para que organizassem uma recolha destes bens. Neste caso a região de Viana do Castelo obteve um resultado fantástico conseguindo angariar bens suficientes para encher um camião na totalidade». Após este envio «Ainda temos material para um segundo envio, material este que foi angariado pelas regiões de Coimbra, Lisboa e Santarém», refere o secretário internacional.

O camião com ajuda humanitária recolhida pelo CNE tem como destino a Polónia, onde será entregue aos escuteiros da NOSU – Organização Nacional dos Escuteiros da Ucrânia, que irão selecionar e distribuir os bens nas diversas regiões que acolhem famílias ucranianas.

Texto: Cláudia Xavier.

Fotografias: JR Viana do Castelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Website protegido por reCAPTCHA. Aplica-se a Política de Privacidade e os Termos de Serviço da Google.

Escuteira na Youth Action Week

O CNE esteve representado na Youth Action Week, do Youth Department – Council of Europe, entre os dias 27 de junho e 2 de julho,

Open Call Região Europeia

Estão abertas as inscrições para voluntários regionais que darão suporte ao novo plano trienal 2022-2025 da Região Europeia do Escutismo. Os voluntários regionais são essencialmente